Um Líder Autoconsciente

um lider autoconsciente blog

No pátio da entrada do Templo de Apolo em Delfos, na Grécia a inscrição “ Conhece-te a ti mesmo,” tem inspirado visitantes há milênios. Para qualquer um que aspire à liderança, ou esteja em um cargo de liderança, tais palavras deveriam representar mais do que um grafite em tempos antigos. A liderança começa em você, não há como escapar.

Uma maneira de nos tornarmos mais autoconscientes é saber identificar nossos pontos fortes, sempre mais disponíveis e os pontos cegos.

Compreender e usar nossos pontos fortes é reconhecer e, com frequência, focar nas coisas em que já somos muito bons ou no que gostamos de fazer.

Curiosamente, muitos de nossos pontos fortes também podem ser pontos cegos. Na The School of Life, costumamos chamar isso de Teoria da Fraqueza dos pontos fortes.

A teoria é assim: toda força que um indivíduo tem necessariamente traz consigo uma fraqueza da qual é uma parte inerente. É impossível ter forças sem fraquezas. Toda virtude tem uma fraqueza associada.

Reconhecer nossos pontos cegos – as áreas em que precisamos tomar mais cuidado com a forma como nos comunicamos e como agimos – também é fundamental.

Em parte porque nossos pontos cegos costumam ser frequentemente apenas semiconscientes, nem sempre podemos perceber o impacto que nossas ações e palavras estão produzindo.

Quando estamos cientes de nossos pontos cegos – e, o mais importante, quando os aceitamos –, conseguimos usar nossos pontos fortes para lidar com eles ou pedir ajuda. Os melhores líderes são aqueles que descobrem o que existe em seus pontos cegos e pedem mais ajuda com eles. 

Lembre: pode parecer difícil, mas se você fizer alguma ou mesmo todas essas coisas será o primeiro passo para se tornar autoconsciente e poder ser um líder ainda melhor. 

 

Texto: The School of Life

Veja nosso calendário completo e a próxima turma do workshop de Liderança aqui .

Recent entries