Calma em Momentos de Crise

banner 04.03.2021

Na maior parte do tempo, as crises que enfrentamos são pessoais - e acontecem em nossas vidas amorosas, profissionais, familiares e sociais. Entretanto, há momentos em que enfrentamos crises nacionais ou globais, que não afetam apenas uma pessoa, mas sim todos os povos. Nessas horas, o mundo à nossa volta de repente parece instável e nossa espécie se une na ansiedade. 

Durante esses períodos, manter a calma pode parecer mais difícil do que nunca. Ainda assim, ao mesmo tempo, essa tarefa nunca foi tão vital. Em momentos de provação, cada um de nós deve se dar tempo e espaço para praticar estratégias de serenidade - e utilizar essas técnicas para confortar e acalmar quem amamos. 

A tentação, quando estamos preocupados, é direcionar nossa inteligência determinada para tentar prever totalmente o que pode estar destinado a nós. Tentamos acabar com as surpresas do desconhecido; buscamos, compreensivelmente, nada menos do que controlar o futuro. 

Isso está longe de ser uma tolice. Há muito o que aprender com a expectativa cansativa e o planejamento racional. Depois de ponderarmos todos os prognósticos possíveis e darmos cada passo que eles podem exigir, também há um momento para confrontar pensamentos aparentemente enlouquecedores. Mas eles também podem ser altamente libertadores, se conseguirmos encará-los pelo ângulo certo: nunca conseguiremos dizer exatamente o que acontecerá conosco e nem deveríamos tentar. 

O que podemos fazer é tentar reagir melhor às nossas emoções. Os contratempos são inevitáveis, assim como as decepções e frustrações. O que não é inevitável, no entanto, é a maneira como reagimos a eles. Ao promover uma visão um pouco mais pessimista sobre a probabilidade de as coisas darem errado, podemos experimentar menos surpresa e menos raiva. 

 

Texto: The School of Life

Veja nosso calendário completo aqui e a próxima data do workshop de Calma.

Recent entries