Voltar
Arte como Cura Para a Ansiedade

Arte como Cura Para a Ansiedade

A arte nunca foi um mero entretenimento. Junto com a filosofia e a religião, ela tem sido a principal fonte de consolo da humanidade. É a ela que também deveríamos recorrer nos momentos que precisamos de mais acolhimento.

Imagem 1

caspar david

Sua função é nos dar acesso a um estado mental no qual estamos imensamente conscientes da vastidão do tempo e do espaço. A obra é melancólica, mas não triste; calma, mas não desesperadora. Nessa condição da mente – nesse estado da alma, mais romanticamente dizendo – ficamos mais bem equipados para lidar com dores intensas, intratáveis e particulares que estão diante de nós. Somos levados a perceber que as tensões no casamento ou as frustrações no trabalho não são apenas problemas particulares, fazem parte da grandiosa estrutura do universo…

Imagem 2 

 sugimoto

Hiroshi Sugimoto, The Atlantic Ocean, 1989

Por causa da forma como nossas mentes funcionam, é muito difícil sermos qualquer coisa além de tremendamente preocupados com o que está imediatamente perto de nós, no tempo e no espaço. No entanto, nesse processo, tendemos a exagerar a importância de algumas frustrações que, no grande esquema das coisas, não merecem tanta agitação e desespero. Somos profundamente ruins em reter a perspectiva. A arte pode nos ajudar ao nos retirar das circunstâncias atuais e colocar os eventos diante de um cenário mais imponente e vasto.

Imagem 3

 kintsug

Anônimo, Tigela Kintsugi, 1990

No “kintsugi”, não há uma tentativa de disfarçar o dano. O objetivo é tornar as linhas falhas óbvias e elegantes. As veias preciosas de ouro estão ali para enfatizar que não é inesperado ou apavorante que as coisas se desfaçam: isso cria uma oportunidade de restauração – e de forma redentora.

Imagem 4 

nasa

A ciência se une à arte para dignificar e dar uma grandeza trágica a nossa inescapável fragilidade. Não sabemos o que acontecerá nas nossas vidas, nem onde acabaremos, o que será daqueles que amamos, quais serão os resultados de nossos esforços, se nossas devoções trarão frutos, se nossas esperanças serão realizadas e se nossos sonhos se tornarão verdade ou serão em vão. A imagem da NASA pode nos guiar para uma perspectiva útil. Ela oferece um alento as nossas preocupações sobre a próxima semana ao prender nossa atenção em algo vasto e impessoal. Somos lembrados do quanto nossas preocupações podem parecer minúsculas.

Texto da The School of Life

Veja aqui em nosso calendário a próxima turma da aula Arte como Terapia.

By The School of Life

Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Como Controlar Seu Crítico Interno

Não é algo que nos sentimos sempre capazes de discutir livremente, mas muitos de nós somos assombrados por uma voz interna crítica e profundamente negativa – e uma sensação de…

Saiba Mais

Veneração ao Sol

Imagine um dia ensolarado, em que muitas pessoas, ao saírem de casa, perceberão um brilho diferente na luz, uma suavidade no ar, que pode gerar uma onda de esperança e…

Saiba Mais