Voltar
Arquitetura traz Felicidade

Arquitetura traz Felicidade

A aparência que um lugar tem é realmente importante? Não basta que os lugares existam para cumprir suas funções, como morar, trabalhar, estudar, fazer compras ou cuidar da saúde e do bem-estar? Apenas isso não é o suficiente? Para nós, não…

Acreditamos que a aparência de um lugar importa muito. Veja que, aqui, não estamos falando de requinte ou móveis e objetos caros. Estamos nos referindo a carinho, harmonia, intenção, funcionalidade, aconchego, limpeza e organização que compõem o ambiente.

A aparência de uma casa tem o poder de falar com a gente, de nos enviar mensagens. Não literalmente, mas sim por metáforas. Quando a estética é agradável aos nossos olhos, mesmo com decoração e móveis simples e modesto, é como se fôssemos invadidos por sensações adoráveis, como gentileza, esperança e confiança. Quando o descuido e as sombras imperam no local, é como se esses elementos nos remetessem a situações de ódio, agressão e maldade.

Agora, olhe para a sua casa. Foque nos seus locais preferidos ou naqueles esquecidos. O que esses espaços têm a dizer para você? Você pode não estar ciente de que casas, edifícios e lugares nos enviam mensagens o tempo inteiro, mas todos esses espaços penetram no nosso cérebro mesmo assim. Moldamos nossos edifícios e, depois, nossos edifícios nos moldam. 

A casa organiza os nossos “eus complexos”

A busca por construir a nossa casa está conectada a uma necessidade de estabilizar e organizar nossos “eus” complexos. Não é suficiente saber quem somos em nossa mente. Precisamos de algo mais tangível, material e sensorial para fixar os aspectos diferentes e intermitentes de nossa identidade. 

Precisamos usar certos tipos de talheres, estantes, armários e poltronas para nos alinharmos com quem somos e queremos ser. Não estamos nos vangloriando; estamos tentando juntar nossas identidades em um recipiente, preservando-nos da erosão. 

Dentro de todos os desafios que temos vivido, de uma hora pra outra, objetos e equipamentos que facilitam o nosso dia a dia, a casa em si, ganhou um valor para as nossas vidas ainda maior. Estamos, finalmente, descobrindo e vivenciando a nova arte de morar.

Texto: The School of Life

Veja a próxima data da aula especial A Nova Arte de Morar e nosso calendário completo aqui .

By The School of Life

Compartilhe este conteúdo

Conteúdos Relacionados

Como Controlar Seu Crítico Interno

Não é algo que nos sentimos sempre capazes de discutir livremente, mas muitos de nós somos assombrados por uma voz interna crítica e profundamente negativa – e uma sensação de…

Saiba Mais

Veneração ao Sol

Imagine um dia ensolarado, em que muitas pessoas, ao saírem de casa, perceberão um brilho diferente na luz, uma suavidade no ar, que pode gerar uma onda de esperança e…

Saiba Mais