The School of Life para sua empresa

Oferecemos aulas e workshops para empresas, ajudando seus parceiros e clientes a terem vidas mais plenas e desenvolverem inteligência emocional.

Entre em contato

Criatividade

Einstein disse que todos nascemos gênios – o que sugere que muito da educação formal rouba nossos poderes criativos inatos. Com muita frequência, a pressão para sermos sérios, além de estresse, ansiedade e autocrítica, impede que sejamos totalmente criativos. Com a mentalidade e as estratégias certas, podemos superar estes bloqueios e trazer a criatividade de volta à nossas vidas diárias e nossa carreira profissional. 

Nesta sessão de duas horas, vamos:

-    Aprender os mitos e realidades do processo criativo

-    Praticar estratégias para ter novas ideias

-    Explorar como transcender pressuposições ultrapassadas e desenvolver ideias radicalmente novas

-    Discutir os obstáculos emocionais que às vezes inibem nossos esforços criativos

-    Considerar como acessar regularmente uma mentalidade mais criativa

Definição

Criatividade é a habilidade de combinar elementos existentes para criar algo útil que nunca existiu antes.

 

O que caracteriza o domínio dessa habilidade?

Funcionários criativos são capazes de ter ideias de como combinar os elementos existentes para resolver um problema ou uma questão relacionada ao trabalho. Eles geralmente têm uma mentalidade aberta e até uma preferência por experimentar coisas novas, em vez de algo que já conhecem. Eles se sentem confortáveis com processos iterativos, que incluem risco de falha e muitos rascunhos. São capazes de separar a autoestima de suas ideias, o que lhes permite discuti-las e desenvolvê-las abertamente com outras pessoas. Ao mesmo tempo, podem facilmente abandonar ideias que acabam não sendo práticas.

 

O que caracteriza a falta dessa habilidade?

Funcionários com falta de criatividade geralmente acham difícil tentar algo novo e preferem fazer as coisas da maneira com que já estão familiarizadas. Eles podem se conter, criticando e deixando de dar suas próprias ideias ou sugestões para as equipes. Quando precisam resolver um problema, podem achar difícil levar todas as informações disponíveis em consideração e preferem confiar que outra pessoa os ajude. Além disso, eles podem hesitar em tentar trabalhar com uma nova equipe ou em uma nova tarefa e preferem o trabalho rotineiro habitual.

 

Depoimentos

“Eu aprendi o papel das suposições no bloqueio de meus pensamentos criativos”

“Eu percebi que a colaboração – ou simplesmente a conversa com outras pessoas – é a coisa mais vital para se pensar de forma criativa”

“O workshop me ajudou a reconhecer barreiras à criatividade e maneiras de enfrentá-las”

‘Você não pode esgotar a criatividade. Quanto mais você usa, mais você tem.’

-    Maya Angelou